«A informação é uma guerra, uma guerra entre modelos sociais. Entre os defensores de um mundo desigual, injusto, governado por depravados e autênticos terroristas que impõem a sangue e fogo um modelo económico que condena à morte milhares de pessoas em todo o mundo, e aqueles que decidem estar ao serviço dos grupos, movimentos, intelectuais e outros lutadores, que todos os dias arriscam a vida a defender outro modelo de mundo possível.»
Pascual Serrano - José Daniel Fierro

REFORMAS E BAIXAS MÉDICAS EM PORTUGAL - escândalos!

__

COMER E CALAR! - até quando?


___________________________

quinta-feira, agosto 31, 2006

...e a luta (reaccionária) continua!


TIMOR, 30.08.2006

O Reinado (sem a conivência das forças australianas?) e muitos outros, fugiram da prisão.

Disseram as notícias.

Nada que me espante.

Agora, o silêncio de Reinado (conhecido por major Alfredo Reinado*) está mais garantido.

Coisa que interessa sobremaneira aos "australianos" que o poderão reutilizar, sem reciclagem?

Se fosse má língua diria que sim...

Dizem que durante a prisão do Reinado não se ouviam galos, mas adivinhavam-se "vozes" lúgrebes de cães, de pedras, de setas, de mais uma casa a arder... e do cheiro do mêdo, ainda que contido, do povo martirizado.

Era o prenúncio de mau agoiro.

Os ultras "australianos" têm, de novo, mais um velho peão de brega à mão para ajudar a desferir novo golpe - não ao ex-primeiro ministro Alkatiri (que já foi de vela!) .
Mas, desta vez, contra os antigos aliados, moderados, "b(x)ananas"**

Apetecía-me dizer que é bem feito.

Mas não digo.

Porque me sinto triste de mais...

------------
* Ver neste blog os posts de 3 e 25 de Julho último.
** fruta que deixei de consumir hà uns tempos... por me causar azia.

2 Comments:

At quinta-feira, agosto 31, 2006 1:25:00 da manhã, Blogger Belzebu said...

A verdadeira história recente de Timor Leste está por escrever e irá estar por muito tempo. Partilho contigo a tristeza, pois vivi no território 7 meses, após o referendo, e sei que não é isto que o povo Timorense deseja e muito menos merece!

Saudações infernais!

 
At quinta-feira, agosto 31, 2006 2:18:00 da tarde, Blogger Zé Lérias said...

Concordo plenamente contigo.

Ainda não decorreu tempo suficiente para "apanhar o fio à meada" da história recente de Timor.

Mas, no caso, há ilações que me parece legítimo retirar dos pequenos e despudorados sinais (dados pelos "perdedores" iniciais das negociações do petróleo e do gás...negociações estas que foram, ao que parece, bem orientadas - no que diz respeito aos interesses do povo de Timor - por um ex-primeiro ministro que, para mal dos seus pecados, tem afeição marxista.
Afeição que, diga-se, era muito desconfortável para aquela região e sobretudo para o grande capital).

Saúdo-te (cheio de tremores), amigo belzebu

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home