«A informação é uma guerra, uma guerra entre modelos sociais. Entre os defensores de um mundo desigual, injusto, governado por depravados e autênticos terroristas que impõem a sangue e fogo um modelo económico que condena à morte milhares de pessoas em todo o mundo, e aqueles que decidem estar ao serviço dos grupos, movimentos, intelectuais e outros lutadores, que todos os dias arriscam a vida a defender outro modelo de mundo possível.»
Pascual Serrano - José Daniel Fierro

REFORMAS E BAIXAS MÉDICAS EM PORTUGAL - escândalos!

__

COMER E CALAR! - até quando?


___________________________

quarta-feira, novembro 07, 2007

O comunismo


NOS 90 ANOS DA REVOLUÇÂO RUSSA

"Ser comunista, hoje, é lutar contra a injustiça social; é acreditar no fim do Estado; é querer o fim da luta de classes; é acreditar na igualdade entre todos; é querer o fim da exploração da humanidade; é acabar com a propriedade. Marx, para alguns, ainda está vivo, até nas universidades americanas. Mas 90 anos depois, nada disto pode ser separado da democracia. Porque não se pode ver a floresta sem se ver as árvores, todas e cada uma."
por São José Almeida - jornalista.

"Ser comunista é simplesmente acreditar num movimento real, que materializa uma mudança.
O comunista é aquele que acredita que o sistema em que vivemos não é em si um sistema último e definitivo.
Qualquer sistema económico e político evolui para outra coisa."
por: João Maria de Freitas Branco-filósofo (ex-militante do PCP)



Etiquetas:

4 Comments:

At quinta-feira, novembro 08, 2007 9:52:00 da tarde, Blogger Cucagaio said...

O fim último do comunismo é a ditadura do proletariado, mas isso é uma teoria, que nunca será concretizada. Uma utopia.Pelo caminho ficamos com Estaline e gente assim.

 
At sexta-feira, novembro 09, 2007 12:44:00 da manhã, Anonymous Zeca Gallo said...

Depois do que sucedeu no Leste europeu, também acho.

Mas agora é fácil dar bitaites...

Homens honrados e justos, entre os quais se encontravam, em largo número , figuras de elevada craveira intelectual (mundial) também acreditaram na utopia.

Eu não consigo viver sem ela, seja em que área for.

Como na ciência, também na política se tem que experimentar.

Será que Marx deixou de ter razão?

Ou será que o amigo CUCAGAIO prefere viver nesta vergonha de democracia, imposta à aldeia global, não fazendo nada para a modificar?

 
At sexta-feira, novembro 09, 2007 1:24:00 da manhã, Anonymous Adãoeeva said...

Em fins de 74 num colóquio sobre o que estavamos vivendo;falando-se de vários sistemas politicos,tudo estava Ia certo porem alguém fala do sistema comunista.Tal foi o estardalhaço!! entao alguém se levanta e pergunta a um senhor presente que dava por nome Carlos Azevedo padre pertencia a um grupo ligado à sé no porto:Qual a diferença entre o Comunismo e o Cristianismo?E logo foi dizendo:Para mim só vejo esta:- Um acredita na vida para além da morte (Cristianismo)o outro não acredita mas não proìbe que acreditem(comunismo)
Para mim basta que ponham em prática o primeiro.Penssem comigo
Quando apareceu a propriedade privada?Que eu saiba, quando aconteçeu Bing Bang,ou Deus criou o mundo não fez partilhas do mesmo!!!
O MUNDO SÓ MUDA QUANDO CADA SER HUMANO TIVER CONSCIENCIA DO SEU PRÓPRIO SER!!O MAL ESTÁ EM CADA UM DE NÒS!!
SOMOS TODOS FILHOS DUM CRIADOR OU NÃO!!
NÃO DEVEMOS FAZER AO OUTRO O QUE NÂO DESEJAMOS PARA NÓS.Se atinjirmos isto muita coisa mudaria.
Só com gente sábia e honesta nos partidos se iria a algum lado,como não acredito,digo VIVA O ANARQUISMO

 
At sexta-feira, novembro 09, 2007 9:06:00 da tarde, Blogger Mac Adriano said...

"Ser comunista é andar a fazer manifestações contra mim" (Zé Sócrates, sem profissão definida, ex-militante da JSD)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home