«A informação é uma guerra, uma guerra entre modelos sociais. Entre os defensores de um mundo desigual, injusto, governado por depravados e autênticos terroristas que impõem a sangue e fogo um modelo económico que condena à morte milhares de pessoas em todo o mundo, e aqueles que decidem estar ao serviço dos grupos, movimentos, intelectuais e outros lutadores, que todos os dias arriscam a vida a defender outro modelo de mundo possível.»
Pascual Serrano - José Daniel Fierro

REFORMAS E BAIXAS MÉDICAS EM PORTUGAL - escândalos!

__

COMER E CALAR! - até quando?


___________________________

quinta-feira, outubro 26, 2006

os bolsos de DENTISTAS PORTUGUESES

Preços mínimos praticados pelos dentistas portugueses comparativamente com preços praticados noutros países (colhido do C.M. de 14.3.2006).

Custo (em euros) de um IMPLANTE DENTÁRIO em:

PORTUGAL= 750,00 (SETECENTOS E CINQUENTA EUROS) *
ESTADOS UNIDOS= 75,00 (SETENTA E CINCO EUROS)


REINO UNIDO= 75,00 (SETENTA E CINCO EUROS)


GUATEMALA= 50,00 (CINQUENTA EUROS)


FRANÇA= 30,00 (TRINTA EUROS)


ÍNDIA= 25,00 (VINTE E CINCO EUROS)


MÉXICO= 20,00 (VINTE EUROS)



Vivemos num país onde coexistem dois tipos de pessoas: Os que se governam como se vivessem num pequeno oásis, e os que se deixam governar, passivamente, por viverem num enorme país em vias de desenvolvimento reivindicativo... dada a falta de um poder político ou sindical, que defenda também, nesta área, os mais desfavorecidos.

A C.G.T.P. e U.G.T. organizam gréves contra o patronato - algumas delas mais para fidelizar os seus simpatizantes e associados, do que para defenderem os interesses dos trabalhadores - mas não vejo nenhum levantamento popular, exclusivamente organizado por aquelas forças, contra os preços escandalosos praticados por certas profissões liberais deste País, nos seus consultórios ou escritórios...

Se os ordenados são baixos e por isso se luta contra os interesses dos patrões, porque não lutar-se também contra os que a coberto das leis do Estado, cobram emolumentos insuportáveis para a maioria dos bolsos dos portugueses?



* Artigo 81.º, n.º 1, alínea a) do Tratado CE: "são incompatíveis com o mercado comum e proibidas todas as decisões de associação de empresas que sejam susceptíveis de afectar o comércio entre os Estados-Membros e que tenham por objectivo ou efeito impedir, restringir ou falsear a concorrência no mercado comum, nomeadamente aquelas que consistem em fixar de forma directa ou indirecta os preços de compra ou de venda, ou quaisquer outras condições de transacção." Artigo 81.º, n.º 1, alínea a) do Tratado CE: "são incompatíveis com o mercado comum e proibidas todas as decisões de associação de empresas que sejam susceptíveis de afectar o comércio entre os Estados-Membros e que tenham por objectivo ou efeito impedir, restringir ou falsear a concorrência no mercado comum, nomeadamente aquelas que consistem em fixar de forma directa ou indirecta os preços de compra ou de venda, ou quaisquer outras condições de transacção."


4 Comments:

At quarta-feira, junho 16, 2010 5:54:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Sou dentista, não faço implantes nem sou cliente de implantes, pelo que me parece posso dar uma informação imparcial a respeito deste assunto.
Mas além de imparcial parece-me igualmente importante dar uma informação correcta e com conhecimento de causa.

É absolutamente impossivel os preços que refere em relação a implantes dentários fora de Portugal, por uma razão muito simples: o preço do material consumível (já nem sequer estou a falar no equipamento cirurgico especializado que as clinicas têm de ter para fazer implantes) é muito mais caro do que isso.

Mais, devo acrescentar que os colegas que fazem implantes têm de ter formação especializada na área - pós graduações caríssimas - e que um trabalho completo de implantologia leva várias sessões a completar, o que implica bastante tempo e trabalho por parte do dentista até mesmo depois do paciente se ir embora.

Por todas essas razões custa-me ver difamar uma classe profissional que se farta de trabalhar, quase sempre sem quaisquer direitos laborais - enquanto profissionais liberais não temos direito a baixas, 13º mes, licenças de maternidade, subsidio de desemprego, etc - e que ainda assim se encontra entre os mais mal pagos do Mundo civilizado

Se acha que os dentistas portugueses têm os bolsos muito fundos sugiro que procure o rendimento médio de um dentista português que não seja proprietário de clinica e compare com o mesmo emprego nos EUA, UK, França, etc

Constatará que o salario médio desses profissionais quando comparado com o salario médio da população do país em questão é bem mais alto... e posso garantir que eles não trabalham mais horas, nem veêm mais pacientes
Não é por acidente que cada vez mais dentistas portugueses estão a emigrar

 
At domingo, setembro 04, 2011 12:53:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Estes preços aqui referidos só demonstra um coisa! a estupidez e ignorância de quem aqui os colocou. É uma pena hoje em dia qualquer um fazer um blogue e partilhar informação sem pesquisa nenhuma acerca desse assunto. O que está escrito em cima é pura MENTIRA. enfim...

 
At terça-feira, setembro 13, 2011 2:07:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Gostaria muito que quem escreveu isto vivesse a realidade de desemprego da classe dos médicos dentistas e soubesse minimamente do que fala...
Para uma eventual próxima publicação, caso tenha coragem de o fazer.. pesquise um pouco no motor de busca Google (ou outro qualquer), e fale depois para não escrever mais disparates do mesmo estilos dos acima referidos...

 
At segunda-feira, dezembro 19, 2011 12:15:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Mas o que é isso? De onde tiraram esses valores?

Custos de 1 implante (dos mais baratos):
Implante= 110€
Componentes para a prótese= 140€
Laboratório= 200€
Material de impressão= 130€
Kit cirúrgico= 2300€
Motor cirúrgico= 3500€
Curso de especialização(mais baratos)= 22.000€
Lâmina de bisturi=30€
Sutura= 78€
Anestésico=45€
Soro= 12€
Pinças e instrumentais gerais para a cirurgia= 1300€
Taxa para recolherem o lixo(sim, não se pode jogar num contentor qualquer)= 60€.
Água, luz, impostos= 250€
Salário, segurança social, subsídios da assistente (sim, os funcionários de uma clínica tem benefícios que o dentista não têm)= 1000€.
Trabalho do dentista (com todas as responsabilidades)= 100€ e desse valor tira o combustível, alimentação e guarda uma parte para fazer cursos, para que possa atender cada vez melhor seus pacientes.

E os pacientes, enquanto isso, gastam 200€ ou bem mais em tatuagens, telemóveis, sapatilhas da moda, viaturas ( que muitas vezes valem mais dos que as casas).

É, por que eu não virei tatuador? Essa minha mania de estudar e cuidar da saúde alheia ainda me mata.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home